CURTA NOSSA PÁGINA !!!

Faça parte de nossas redes sociais e nosso canal no youtube.

Vídeo: Pastor critica “música gospel para entretenimento” e diz que cantores têm sido tratados como “atores de um show”; Assista

Com o crescimento do número de evangélicos no Brasil, a expressão cultural religiosa desse grupo que mais se ressalta é a música gospel, e os assuntos que ela aborda, e a forma que os faz, foram tema de um vídeo do reverendo presbiteriano Hernandes Dias Lopes.

Para Lopes, “hoje infelizmente está se produzindo muita música gospel para entreter, para agradar o gosto deste ou daquele freguês”, o que desvirtuaria o propósito da música dentro do Evangelho.

“O Brasil hoje reconhece a importância, o valor e a influência da música gospel. É bem verdade que, de forma até triste, lamentável, tem se produzido muita música de mercado, sem conteúdo teológico, sem fundamentação bíblica, sem riqueza musical”, criticou o reverendo.

Hernandes Dias Lopes lamentou que os cantores não têm sido tratados como “adoradores, ministros”, e sim, como “atores”, o que torna a música gospel o produto de um “show, onde se faz algo para arrancar aplauso”.

“A música que agrada a Deus tem algumas características distintas. 1º: a sua origem é divina. O Salmo 40:3 diz ‘e me pôs nos lábios um novo cântico’. Essa música [gospel] precisa vir de Deus, precisa emanar das Escrituras, precisa expressar as verdades cristãs, não pode ser uma música com laivos, misturas de enganos e de erros teológicos; 2º: essa música ela tem uma natureza em um novo cântico. Não novo de edição, mas um novo de natureza, que produz vida nova naqueles que escutam; 3º: essa música tem um propósito. É um hino de louvor ao nosso Deus. Essa música vem do céu, e retorna para o céu. Ela vem de Deus, e retorna para Deus”, conceituou o reverendo.

Por fim, acrescentou: “[O louvor a Deus] não é música para entreter, agradar, arrancar aplausos. É uma música que visa a adoração a Deus”.

Assista:

Tribunal condena grávida cristã à morte por abandonar o Islã

Uma gestante sudanesa de 27 anos foi condenada à morte por ser cristã, a condenação feita pelo tribunal de Cartum, no Sudão, se refere ao crime de “apostasia” por ela ter abandonado o Islã.

De acordo com a Anistia Internacional, a mulher está grávida de oito meses e está presa acompanhada de outro filho com quase dois anos de idade.

Antes de decretar a pena de morte, a justiça do Sudão chegou a tentar forçá-la a negar a fé cristã, como a jovem não aceitou recebeu a pena máxima pelo crime.

“Demos três dias para abjurar de sua fé, mas você insistiu em não voltar ao islã. Eu a condeno à pena de morte na forca”, declarou o juiz Abas Mohamed al-Khalifa, nesta quinta-feira (15).

Identificada como Meriam Yehya Ibrahim Ishag (seu nome cristão) também foi condenada a receber 100 chicotadas por “adultério”, pois segundo a lei do país uma mulher sudanesa não pode se casar com homens de outra religião e o marido de Meriam é cristão, nascido no Sudão do Sul.

Em uma parte da audiência um líder religioso muçulmano chegou a tentar convencê-la, mas ela teria dito com calma ao juiz: “Sou cristã e nunca cometi apostasia”.  Segundo a BBC Brasil Meriam nunca foi muçulmana, pois foi criada como cristã ortodoxa por sua mãe, já que seu pai, que era muçulmano, não esteve presente durante a infância.

A Anistia Internacional informou que a mulher está presa desde agosto de 2013 por conta do casamento e o crime de apostasia só foi adicionado à acusação em fevereiro deste ano quando ela revelou que era cristã.

Embaixadas dos Estados Unidos, Canadá, Grã-Bretanha e Holanda estão apoiando Meriam e tentando exigir que o governo do Sudão cancele a sentença de morte, respeitando assim a liberdade de religião que é um direito de todos os seres humanos. Com informações G1 e BBC Brasil.

Vídeo: Evangelismo criativo: o abraço de Deus em um homem sujo pelo pecado

Um homem sujo, solitário aparece em um terminal de ônibus segurando uma placa pedindo um abraço. As pessoas passam por ele e nada acontece, sozinho, esquecido pela sociedade ele segue mostrando a placa esperando que alguém lhe ofereça atenção.

O mesmo homem sobe em um ônibus e começa a dizer aos passageiros que não deseja dinheiro, mas sim um abraço. O discurso é emocionante, mas ninguém se aproxima dele para abraçá-lo.

Foi assim que um grupo de jovens resolveu evangelizar, um deles se fantasiou de morador de rua e foi testar a bondade das pessoas e aproveitar para falar da mensagem de Deus.

Quando uma senhora aceitou abraçá-lo, os passageiros aplaudiram e ele pode então passar a mensagem. O homem sujo representa os homens, sujos pelo pecado. O abraço da senhora bondosa representou o abraço de Deus, que não se importa com o cheiro do pecado e aceita os homens em seus braços.

O vídeo foi postado no canal “Ministração Criativa” e tem impressionado evangélicos nas redes sociais.

Confira:

Vídeo: Magno Malta diz que CRP cometeu um crime ao cassar Marisa Lobo

Nesta quarta-feira (21) o Senador Magno Malta fez um discurso no plenário do Senado contra a cassação do registro profissional da psicóloga Marisa Lobo.

Na última sexta-feira (16) o Conselho Regional de Psicologia (CRP) do Paraná decidiu cassar o registro profissional da psicóloga cristã por ela supostamente impor convicções religiosas em seu consultório.

Marisa Lobo também foi acusada de tentar promover a “Cura Gay”. Marisa enfrentou o Conselho Federal de Psicologia (CFP) ao participar de audiências públicas em favor do Projeto de Decreto Legislativo 234 que torna sem efeito parte do Artigo 3º e o Artigo 4ª da Resolução nº 1 do CFP e que foi apelidado pela imprensa de “Cura Gay.

Durante o seu pronunciamento o senador afirmou que a atitude do CFP foi inconstitucional e “um crime jurídico”. O parlamentar prometeu que irá se empenhar para reverter esta situação.

Malta prometeu ir à instancias jurídicas para rever o direito de Marisa Lobo exercer sua profissão. Magno também lembrou que o CFP tentou cassar o registro do pastor Silas Malafaia, presidente da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo.

“O conselho nacional de psicologia cometeu um grave erro jurídico. E aqui eu quero avisá-los de que é preciso que haja uma reação jurídica. E eu o farei.”, destacou. “O conselho nacional de psicologia cometeu um crime jurídico, não erro jurídico”, disse.

Magno Malta lembrou que estamos em um país em que a constituição defende a liberdade de expressão. E que é preciso reagir em favor da psicóloga Marisa Lobo para tentar reverter a decisão do CFP.

Assista:

Missionários brasileiros são condenados à prisão no Senegal.

O pastor José Dilson Alves da Silva, ligado à Associação Presbiteriana de Missões e Zeneide Novais, que faz parte da Missão SERVOS, vivem um drama no Senegal desde novembro de 2012.

Dilson vive e trabalha na África há mais de 20 anos. Passou 15 deles em Guiné-Bissau onde fundou escolas com sua esposa e, através do Programa de Alimentação Mundial, da ONU, participou da construção de centros de nutrição, onde acolhiam crianças desnutridas e suas mães.

Mudou-se posteriormente para o vizinho Senegal. Na capital Dacar, José Dilson Alves da Silva e Zeneide Moreira Novais fundaram a Escola ABC e o Projeto Obadias, sendo financiados por uma ONG cristã. Além de educação, a escola oferece alimentação para crianças carentes.

Contudo, foram presos em novembro sob acusação de aliciar menores.  O pai de um dos alunos foi até a polícia reclamar que seu filho se recusou a recitar uma oração muçulmana e que estava exibindo comportamento cristão.  Os missionários foram acusados de desrespeitar o Islã e também de terem cometido os crimes de sequestro e tráfico de menores. Eles ficaram cinco meses presos, mas foram soltos. Mesmo assim, o processo continuou. Na época, o senador Magno Malta, em companhia de outros parlamentares, foi até o Senegal tentar resolver o problema, mas não conseguiu interferir.

No último dia 20, José Dílson e Zeneide foram julgados durante aproximadamente 3 horas.  Mesmo com quatro advogados de defesa e falta de provas consistentes, a Promotoria conseguiu uma vitória preliminar, pedindo que eles cumpram dois anos de prisão, mais o pagamento de uma multa. A sentença final sairá em 17 de junho. Caso se confirme o resultado preliminar poderá gerar um grande problema para todos os missionários cristãos que trabalham no Senegal. Já existem campanhas de oração em prol dos dois sendo feitas por diferentes igrejas.

Com informações de Portas Abertas

Saeed Abedini é tirado do hospital, espancado e jogado em prisão

O pastor Saeed Abedini continua sofrendo nas mãos dos policiais iranianos. Sofrendo com dores crônicas na região do estômago, por conta dos espancamentos na prisão, o cristão foi levado ao hospital, mas teve o tratamento negado.

As notícias mais recentes afirmam que Abedini foi retirado do hospital, espancado e jogado novamente na prisão. A notícia foi confirmada pela esposa do pastor, Naghmeh Abedini, que se mostra cada vez mais preocupada com as condições dele na prisão. “Este é um desenvolvimento extremamente decepcionante – que quebra o meu coração”, disse ela.

A transferência do pastor de volta para a prisão não foi esclarecida, contudo membros da família declaram ter ouvido um dos guardas, envolvidos na transferência, mencionar as negociações nucleares iranianos como um dos motivos.

Saeed Abedini é iraniano, mas se mudou para os Estados Unidos onde se tornou cristão e se casou com uma americana ganhando cidadania. Os Estados Unidos tem parceria com Israel e tem atuado com todas as forças tentando impedir os avanços nucleares do Irã com armas nucleares.

“Nossa família está profundamente entristecida e continuamos a orar por Saeed, pela sua segurança e sua libertação. Estamos muito gratos que tantas pessoas ao redor do mundo continuam a orar por Saeed”, disse a esposa de Abedini.

No dia 7 de maio o pastor completou 34 anos, ele estava no hospital desde março apresentando algumas melhoras em seu estado clínico podendo se alimentar e receber visita de seus amigos e familiares, incluindo a esposa e seus dois filhos.


Fonte: Gospelprime

Jovem morre 24 horas após recusar se converter ao islã


Um laudo assinado por um médico legista acabou com a hipótese de suicídio apontada como a causa da morte do jovem cristão paquistanês Haroon Haidar, morto a tiros em abril deste ano.

O acusado pelo homicídio afirmou que Haidar havia se suicidado, mas o relatório médico aponta que o cristão sofreu duas lesões no crânio, resultados de dois tiros separados. O primeiro tiro foi fatal, mas o autor ainda conseguiu disparar mais uma vez.

O pai de Haroon, Haidar Masih, nunca acreditou na hipótese de suicídio e afirmou para as autoridades do Paquistão que seu filho, que era casado e pai de duas crianças, sofreu ameaças um dia antes de morrer. Um colega de trabalho havia se irritado por tentar obrigá-lo a se converter ao islã sem ter sucesso.

O acusado é Umar Farooq, a única pessoa que estava no prédio onde Haroon morreu. Umar é segurança do prédio em construção onde o jovem cristão, que tinha 24 anos, trabalhava como varredor.

À polícia Farooq afirmou que foi ao banheiro e deixou sua espingarda na mesa, o cristão teria pegado a arma e atirado contra sua própria cabeça, morrendo no local. O pai de Haroon não acreditou na versão dada pelo segurança. “A polícia me informou que o guarda disse que, assim que ouviu o barulho, correu lá embaixo, onde ele viu que Haroon tinha se suicidado, atirando na testa com a arma”, afirmou ele para o World Watch Monitor.

Quando a família pode ver o corpo, ficou impressionada com a forma como Haroon foi encontrado: “Todo o crânio acima das sobrancelhas tinha sido arrancado, enquanto o corpo estava na postura sentada no sofá”, disse Khalid Shehzad, diretor de um centro social em Lahore que fornece alimentação, educação e assistência jurídica para os cristãos.

Shehzad mora próximo de Haidar Masih e conseguiu falar com amigos próximos e com a viúva de Haroon que fez muitos elogios ao marido e afirmou que estavam vivendo uma ótima fase, sendo impossível que ele tivesse o desejo de tirar a própria vida.

Haidar Masih não teve dúvidas de que Umar é o assassino de seu filho. A vítima chegou a se queixar das tentativas de conversão que vinha sofrendo e também das ameaças. “O guarda de segurança do banco, Umar Farooq, o forçou a se converter ao islã e em caso de recusa, ele iria matá-lo”, testemunhou o pai.

O primo de Haroon Haidar, Parvaiz Babloo, que trabalha no hospital Mayo da Universidade Médica King Edward afirma que os policiais chegaram a pedir aos médicos que o laudo da morte fosse registrado como suicídio, mas a equipe não aceitou. “O médico claramente recusou e pediu à polícia que primeiro registrasse um caso criminal, e em seguida, a autópsia podia ser realizada”, disse Babloo. Os funcionários do hospital não tinham dúvidas de que o caso era assassinato e não homicídio.

fonte: Gospelprime

Cristãos brasileiros aguardam sentença final no Senegal

Quatro advogados de Defesa estiveram presentes no julgamento dessa terça-feira (20/05) no intuito de derrubar as argumentações da Promotoria, que propôs uma pena de dois anos de prisão mais multa.

O juiz determinou que a sentença final será dada no dia 17 de junho de 2014.

Entenda o caso
No início de novembro de 2012, o pai de um dos meninos do Projeto Obadias – abrigo que os missionários dirigiam antes de sua prisão, dirigiu-se às autoridades e fez acusações contra José e Zeneide, alegando que seu filho havia se recusado a recitar uma oração muçulmana e estava exibindo comportamento cristão.

O pai afirmou que os cristãos estavam desrespeitando o islã ao ensinar o cristianismo às crianças. Outras acusações incluem sequestro e tráfico de menores.

José Dilson, membro da Igreja Presbiteriana do Brasil, é missionário há mais de 20 anos no continente africano e nunca teve problemas com a justiça local. O trabalho missionário juntamente com a Zeneide é mantido no país por organizações missionárias brasileiras.

Fonte: Portas Abertas

Prefeito veta projeto que incluía a Bíblia nas aulas de história


A Câmara dos Vereadores de Itapema, Santa Catarina, aprovou no começo do mês de abril um projeto de lei que permitia o uso da Bíblia no ensino de história nas escolas municipais.

Mas o prefeito da cidade, Rodrigo Costa (PSDB), vetou integralmente o projeto que era de autoria do vereador Mouzatt Barreto (PSD), aprovada por unanimidade entre os vereadores.

Ao justificar o veto, o prefeito alegou que a lei era inconstitucional, ilegal e que contrariava o interesse público. Costa também afirmou que a proposta fere o Estado laico, uma vez que a Bíblia é um livro religioso e seu uso nas salas de aula teria efeito “multiplicador” abrindo espaço para que outros livros religiosos também fossem adotados.

Esse efeito, na visão do prefeito, seria prejudicial ao ensino da cidade, por ferir a neutralidade do Estado diante das questões religiosas.

Quando apresentou sua proposta, Mouzzat, que é presbítero da igreja Assembleia de Deus, se explicou dizendo que o projeto não feria a Constituição brasileira, pois os alunos de outras religiões não seriam constrangidos.

O projeto gerou grande debate na cidade, muitos cidadãos criticaram o pedido e outros, porém, aprovaram a iniciativa. Com o veto do prefeito, os vereadores poderiam rejeitar o desejo do Executivo e fazer a lei valer na cidade, o que não aconteceu. Com informações do blog Guarda-Sol

Muçulmano turco se converte ao cristianismo durante peregrinação a Meca

Ao fazer uma peregrinação a Meca na tentativa de recolocar sua vida nos trilhos, um muçulmano turco acabou voltando para casa ainda mais transformado do que imaginava. Para surpresa de todos, inclusive de sua família, ele retornou para casa convertido ao cristianismo.

Ali Pektash sofria de alcoolismo quando seus amigos o persuadiram a fazer o Hajj (peregrinação) à cidade sagrada do Islã, com o objetivo de retomar o controle de sua própria vida. Seu destino foi a cidade sagrada para os Muçulmanos, localizada na Arábia Saudita. Além se ser um local sagrado para a religião que seguia, seus amigos acreditavam que a proibição do consumo de álcool no local também o ajudaria a se curar, junto com o ritual religioso.

Porém Pektash, que hoje é pastor, conta que sua vida foi mesmo transformada quando, no meio de sua peregrinação, foi alcançado por Cristo. Ele conta que Jesus apareceu para ele em um sonho depois de ele ter clamado para que Deus, se Ele existisse realmente, o ajudasse.

Ele revela que Jesus então lhe apareceu em sonho e tocou-o, dizendo: “Você acredita em mim agora; deixar este lugar”. Então, em seu retorno do Hajj, ele anunciou à sua família que havia voltado da peregrinação religiosa como cristão. Ele começou a chorar na frente de sua esposa e pediu perdão pela forma como ele a tinha tratado, demonstrando claramente uma mudança dramática em sua vida.

Ele eventualmente começou uma igreja em Ancara, a capital, cuja liderança ele entregou recentemente a anciãos de confiança, a fim de iniciar um novo trabalho na Turquia oriental, onde ele foi criado.

Em uma conferência em Jerusalém chamada “At the Crossroads” ele fala sobre aquilo que acredita ser sua missão. Pektash falou no evento sobre como Abraão é seu antepassado, e como ele vê sua missão de ajudar a re-unir seus filhos de Isaac e Ismael (filho de Abraão por diferentes esposas).

- Nós temos um ministério muito importante, para reconciliar o mundo – afirma Ali, dizendo ainda que isso só pode ser feito através de Jesus Cristo.

Milhares de cristãos fogem da perseguição na República Centro-Africana

As Nações Unidas alertou nesta sexta-feira (16) que os ataques contra cristãos na República Centro-Africana tem feito com que milhares de pessoas fujam da região centro-norte buscando abrigo em igrejas e terrenos que fazem limite com outros países.

Só no último mês pelo menos 23 mil pessoas fugiram sendo que a maioria são mulheres e crianças cristãs. “Muitos estiveram vivendo entre locais de acolhida temporários e escondidos entre os arbustos, o que dificultou levar ajuda”, disse o porta-voz do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados, Adrian Edwards.

Os deslocados tentam se esconder dos ataques dos grupos armados, alguns estão fugindo pela segunda vez, em fevereiro muitos cristãos tentaram voltar para suas vilas, mas foram forçados a fugirem novamente.

Entre os locais encontrados pelos deslocados estão Camarões, Chade, República Democrática do Congo e Congo, pelo menos 100 mil centro-africanos estão refugiados nesses países. A capital Bangui também tem se tornado uma opção para quem quer fugir da violência e mais de 135 mil moradores da região centro-norte se mudaram para lá. Com informações Yahoo.

Darlene Zschech anuncia final do tratamento com quimioterapia contra câncer de mama

A cantora e pastora Darlene Zschech revelou que seu tratamento contra o câncer de mama está chegando ao fim, e comemorou a realização da última sessão de quimioterapia.

No Facebook, Darlene publicou uma montagem de fotos ao lado do filho e amigos: “Minha equipe de apoio para a minha última sessão de quimioterapia… Com a minha amiga Lisa, o filho Andrew e o bebê Ruthie. Muito grata…”, escreveu a pastora na legenda.

Darlene se tornou conhecida mundialmente à frente do ministério de louvor da Hillsong Church, e atualmente lidera a Hope Unlimited Church ao lado do marido, pastor Mark Zschech.

O anúncio de sua doença foi feito por ela mesma no final de 2013, e sua jornada no tratamento contra o câncer foi relatada em seu blog pessoal. Em fevereiro deste ano, Darlene anunciou que havia  concluído com sucesso a primeira fase de seu tratamento. Agora, a pastora deverá retornar às suas atividades à frente da Hope Unlimited Church.
Fonte: Gospel+

Coréia do Norte culpa missionários cristãos por abusos de direitos humanos no país

Esta semana, a Coreia do Norte respondeu ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas sobre os supostos abusos dos direitos humanos no país, atribuindo a culpa a bases cristãs de missionários que alcançam os norte-coreanos pela fronteira com a China.

Durante um debate antes do conselho, em Genebra, o embaixador coreano Se Pyong afirmou que os missionários cristãos doutrinam os coreanos com uma ideologia contra a Coréia do Norte.

- Há na região nordeste da China chamadas igrejas e sacerdotes que se dedicam exclusivamente em atos hostis contra a RPDC [República Popular Democrática da Coreia]. Eles doutrinam aqueles que atravessam a fronteira de forma ilegal com ideologia anti-RPDC e os envia de volta para a Coreia do Norte com as atribuições de subversão, destruição, tráfico de seres humanos e atos até mesmo terroristas – afirmou o embaixador.

A afirmação do representante coreano foi comentada pelo reverendo Eric Foley, CEO o Seoul USA, uma organização não governamental americano-coreana que opera uma série de bases de discipulado alcançando os norte-coreanos em toda a Ásia.

- A importância dos comentários da Coréia do Norte não pode ser exagerada. A Coréia do Norte está escolhendo culpar publicamente os missionários cristãos por seus problemas de direitos humanos e dificuldades internas – afirmou Foley.

Foley observa ainda que a situação que os missionários norte-coreanos enfrentam no nordeste da China é complicada e tende a piorar. Ele afirma ainda que a Coréia do Norte não é o único desafio enfrentado pelos missionários.
- Se a Coreia do Norte está apontando os missionários que operam na China como uma fonte de potencial instabilidade no país, e se ele está alegando que a China é o anfitrião, os missionários podem esperar uma repressão crescente [por parte de China] sobre igrejas e bases de discipulado – afirmou.

Fonte: Gospel+

“Barco da Bíblia” leva um grande acervo literário cristão para comunidades na região Norte

Desde o início da última semana está ancorado na rampa do Santa Inês, Zona Sul de Macapá (AP), o “Barco da Bíblia”, embarcação da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) que leva um acervo especial sobre o livro sagrado do Cristianismo a comunidades da região Norte.

Entre os principais atrativos da embarcação está o Museu da Bíblia, que apresenta exemplares das escrituras em 10 idiomas diferentes, incluindo o hebraico, o árabe e as línguas indígenas brasileiras. O barco promove também a venda de exemplares da Bíblia, que tem a renda revertida para ações do projeto social da SBB.

Segundo o G1, a capital amapaense faz parte da rota final de uma jornada itinerante iniciada há dois meses no interior do Pará. O barco ficará até a próxima terça feira (20) na cidade e depois segue sua jornada, que terminará na cidade de Laranjal do Jari.

O coordenador das ações da SBB, José Araújo, explica que as viagens do Barco da Bíblia são promovidas pela entidade desde a década de 1960, e tem como objetivo levar os ensinamentos cristãos aos moradores de regiões isoladas.

- Não possuíamos a estrutura e a diversidade de material que dispomos atualmente. A cada local visitado, percebemos o interesse de pessoas de todas as religiões e classes sociais em querer estudar sobre o livro mais antigo do mundo – explicou Araújo.

Atendendo ao público no horário de 8h às 21h, o barco atrai pessoas de diversas religiões, que aprovam a iniciativa da Sociedade Bíblica.

- É muito importante conhecermos a história da bíblia, pois é a base de toda religião – afirmou a professora Isaura Assis, de 45 anos, que é católica e relatou ter gostado da diversidade de materiais disponíveis na embarcação.
Sueli Vilhena, de 41 anos, também esteve no Barco e levou sua filha de 12 anos para escolher a primeira bíblia.

- Sou de uma família evangélica praticante. Apesar de termos uma boa opção de produtos religiosos, eu achei os valores mais acessíveis aqui no barco – afirmou Sueli.

Fonte: Gospel+

Grupo Integração: Nao Tardará



Gravação original da musica Não Tardará, lançada pelo Grupo Integração no ano de 1981.
Confira essa bela canção:



Não tardará, cristo irá voltar
Não tardará, vamos para o lar
Não tardará, cristo irá voltar
Não tardará, vamos para o lar
Eu quero me preparar
Pois, vamos logo subir
E quero junto a você (lá no céu)
Conversar com Jesus
Eu quero me preparar
Pois, vamos logo subir
E quero junto a você (lá no céu)
Conversar com Jesus
Jesus um dia prometeu voltar
Prometeu o céu a vida eterna a quem o buscar, mas para estar lá é preciso preparo
Você está pronto para com ele encontrar, ele não vai tardar
Breve muito, muito breve ele vai voltar, agora amigo é hora de decisão você e eu devemos nos preparar
Há senhor queremos tocá-lo, senti-lo, vê-lo no lar
Eu quero me preparar
Pois, vamos logo subir
E quero junto a você (lá no céu)
Conversar com Jesus
Não tardará, não tardará
Cristo irá voltar
Não tardará, não tardará
Vamos para o lar

Recorde: Mulher entra para o Guinness por comandar o louvor da igreja por 73 anos

Aos 87 anos, uma pianista norte americana acaba de entrar para o Guinness World Records (Livro Guinness dos Recordes, no Brasil) por ser a pessoa com a carreira mais longa como pianista ou organista em uma igreja. Martha Godwin começou a tocar piano e órgão aos 13 anos na Igreja Metodista Unida Macedónia em Southmont, Carolina do Norte.

Já são 73 anos desde que ela tocou pela primeira vez em um culto de domingo. Segundo Conferência Oeste da Carolina do Norte da Igreja Metodista Unida, a ela tocou pela primeira vez em 1940. E ela se lembra bem como foi.

- Eu estava morrendo de medo. Eu toquei “Wonderful Words of Life”, que tem uma primeira e segunda terminações. Toquei ambas e comecei a tocar de novo, porque não soava bem. Paramos e, em seguida, começou tudo de novo. Foi o momento em que eu fiquei mais envergonhada – conta a pianista.

O pastor Randy Blanton, líder da igreja, elogiou o trabalho e dedicação da pianista à comunidade cristã.

Tenho servido com Martha por três anos e ela é uma querida. Ela é uma pessoa tão modesta e humilde. Martha está um pouco embaraçada com toda a atenção, e quando alguém diz: “Você merece isso”, ela responde com uma risada suave seguido por uma tímida: “é uma maneira que eu posso dar algo de volta ao Senhor, porque ele com certeza é bom para mim” – revelou o pastor ao The Huffington Post.
Devido ao seu longo tempo de dedicação ao ministério, sua igreja irá realizar um culto em ação de graças por Martha Godwin no dia 18 de maio.

Fonte: Gospel+

Vídeo: Um conselho que pode mudar sua vida

1º de Maio, 20 anos atrás, o Brasil perdia Ayrton Senna. Mas ele deixou um raro conselho que pode mudar o curso de sua vida. Assista e preste atenção em tudo o que ele declara nesse vídeo. E atente para última frase dele citada. Para chegar no seu objetivo, você precisa ter algo muito importante.
Confira, e guarde em seu coração.
Deus abençoe !

                                                                        Assista: