CURTA NOSSA PÁGINA !!!

Faça parte de nossas redes sociais e nosso canal no youtube.

Menor Bíblia do mundo é exposta em Museu de Israel

Uma cópia da Bíblia hebraica do tamanho de uma cabeça de alfinete está sendo exposta no Museu de Israel em Jerusalém.

A chamada nano-Bíblia – a menor versão do livro religioso no mundo – contém 1,2 milhão de caracteres esculpidos em um chip envolto em ouro.

“Escrito” com raios de íon por engenheiros do Technion (Instituto Israelense de Tecnologia), em Haifa, o “livro” está sendo exposto por ocasião do 50º aniversário do museu.

“Se você ampliar as letras em pelo menos dez mil vezes, poderá ler os caracteres”, diz Adolfo Roitman, um dos curadores do museu,

A versão tecnológica se encontra na seção do museu chamada Templo do Livro, que abriga também os Manuscritos do Mar Morto, as mais antigas escrituras da Bíblia já encontradas.

Fonte: Verdadegospel

Casal de missionários serve na maior favela da África

Há mais de 14 anos o casal, Júlio e Angélica Quirino, deixaram o Brasil e iniciaram a sua jornada missionária no continente africano. Eles chegaram ao Quênia, no leste da África com os dois filhos ainda bem pequenos, Raquel com 3 anos e meio e Samuel com 7 meses.

Ao longo desse período, o casal tem servido em diferentes ministérios. Nos primeiros 10 anos eles focaram seu trabalho no evangelismo de muçulmanos e tiveram vários frutos, alguns deles atuam hoje como missionários. Porém, atualmente uma parte importante do seu trabalho tem sido desenvolvido em Kibera, a maior favela da África que abriga cerca de 1 milhão de habitantes.

A realidade de pobreza na favela é alarmante. Há bairros inteiros em que a única forma de habitação são barracos feitos de latão ou de barro (pau a pique). Os barracos possuem basicamente um cômodo, sem banheiros, sistema de esgoto ou água encanada. Reunião das crianças (Foto: Evandro Sudre)
Em Kibera, o casal trabalha com pessoas de todas as faixas etárias, mas focalizando projetos de assistência às mulheres e crianças, que são as mais vulneráveis diante dos desafios da favela. Os projetos que desenvolvem abrangem atividades com futebol, evangelismo nas escolas, estudos bíblicos, treinamento de evangelismo de muçulmanos, treinamento de pastores e líderes, cursos para a comunidade e apoio à Igreja perseguida. Todas as atividades giram em torno de evangelismo, discipulado e apoio a comunidade.
Lá em Kibera há também uma igreja fundada pelos Quirino. O nome da igreja é Kibera New Life Church (Igreja Kibera Nova Vida). Alguém talvez pergunte: “Por que eles decidiram estabelecer uma igreja na favela?” Porque onde a maioria só vê os problemas, o casal vê potencial nas pessoas. “Apesar dos grandes problemas sociais encontrados na favela, existem tesouros escondidos nas vidas que residem ali”, afirma Júlio.
Culto na África
Na igreja é surpreendente a presença massiva das crianças. Durante os cultos é comum encontrar o número de crianças bem superior ao de adultos. Uma curiosidade é que quando é necessário separar os dois grupos, não são as crianças que saem para o seu culto particular, mas os adultos. As crianças permanecem no salão de culto para terem seu tempo de celebração.
Com o apoio da liderança queniana da igreja que plantaram, foi organizado um coral infantil com 24 vozes. O coral se chama Kibera Children’s Choir. O objetivo dessa iniciativa é libertar as crianças do ciclo e jugo da pobreza espiritual e física e permitir que elas descubram seus talentos musicais, encontrem uma forma para contribuírem com o seu próprio sustento (por meio das apresentações do coral) e sejam preservadas de ameaças como a marginalidade, a exploração infantil e o aliciamento do fundamentalismo religioso:
Coral das Crianças
“O Al-Shabab, grupo fundamentalista islâmico da Somália está recrutando crianças de Kibera para realizar ataques terroristas no Quênia. Precisamos alcançar essas crianças para livrá-las das mãos dos terroristas”, argumenta James, missionário queniano, com um ar de preocupação.
Num projeto ambicioso, o coral de crianças de Kibera está se preparando para sua primeira apresentação internacional. Uma agenda de apresentações está sendo montada com um grupo de igrejas em diferentes países. Há planos de uma turnê pelo Brasil, Europa e EUA para o próximo ano. Os convites para apresentações podem ser feitos por meio do site do coral:facebook.com/kiberachildrenschoir e pelo e-mail kiberachildrenschoir@gmail.com
A missionária Angélica comenta sobre o potencial que existe para se fazer muito mais em meio a carência do povo de Kibera e lança um desafio: “As necessidades aqui são imensas e nosso desejo de servir também. Felizmente, não estamos sozinhos aqui. Temos recebido o apoio de vários voluntários e a doação de recursos de pessoas que acreditam no projeto. Contudo, seria possível fazer muito mais pelo povo se tivéssemos o apoio de um número maior de pessoas”.
Entre as duas principais necessidades do casal estão a aquisição de um veículo para o transporte das crianças e a compra de um local próprio para o desenvolvimento dos projetos, já que os alugueis são caros em Nairóbi e os donos das casas olham para o missionário como se fossem uma mina de ouro.
Maiores informações sobre o como ajudar o ministério da Família Quirino podem ser obtidas por meio do seguinte endereço eletrônico: julio.quirino@aimint.org
* Colaborou Jairo de Oliveira 

VOCÊ É SUPERSTICIOSO ?

Tenham cuidado para que ninguém os escravize a filosofias vãs e enganosas, que se fundamentam nas tradições humanas e nos princípios elementares deste mundo, e não em Cristo. Pois em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade, e, por estarem nele, que é o Cabeça de todo poder e autoridade, vocês receberam a plenitude.  Cl 2. 8 - 10

O Brasil é um canteiro fértil do sincretismo religioso que induz os incautos a se agarrarem a práticas estranhas à Palavra de Deus. Assim como os judeus ortodoxos esfregam a barba no muro das lamentações, em Jerusalém, e beijam aquelas pedras antigas; muitos crentes colocam um copo de água "ungida" sobre o televisor, ou usam um óleo "orado" pelo missionário, acreditando num poder especial desses objetos. É lamentável como alguns líderes religiosos promovem esse tipo de paganismo na igreja e contribuem para o crescimento dessas práticas supersticiosas. Precisamos voltar para a Palavra e para a simplicidade do Evangelho!

Pr. Hernandes Dias Lopes

Preconceito de Jean Wyllys é exposto; assista aos vídeos

O deputado federal Jair Bolsonaro e o jovem Kim Kataguiri, um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL), são exemplos recentes da intolerância e do desrespeito que a militância gay tenta impor ao país.
Nesta terça-feira (7), os deputados federais Jair Bolsonaro (PP) e Jean Wyllys (PSOL) pegaram o mesmo voo no Rio de Janeiro com destino a Brasília, e acabaram em assentos lado a lado no avião. Bolsonaro resolveu registrar a situação e divulgou em sua página no Facebook um vídeo que mostra Jean Wyllys mudando de lugar, ao descobrir que seu assento era ao lado dele.
Na gravação, Bolsonaro comenta: “Estou me sentindo discriminado aqui, imaginem se fosse o contrário?” (Veja o vídeo abaixo).
Em outro momento, Kim Kataguiri (um dos líderes das manifestações que movimentaram o país no dia 15 de março), desmascara o deputado Jean Wyllys, que o chamou de “analfabeto político”. Numa demonstração clara de que a “linha auxiliar” do PT ficou muito incomodada com o sucesso das manifestações anti-Dilma.
Desafiado para um debate, o ex-BBB, naturalmente, fugiu. Porque, além de ser desmascarado, nada teria a oferecer além de slogans sensacionalistas e vazios.
Assista aos vídeos  abaixo e deixe o seu comentário.
Fonte: Verdadegospel.com

Vídeo 1: O que aconteceria se um homossexual fosse humilhado em voo da TAM? (Jair Bolsonaro)



Vídeo 2: Jean Wyllys e o Analfabetismo Político (Kim Kataguiri)

Evangelismo da Associação Billy Graham nas Filipinas leva 9 mil pessoas a aceitarem Jesus

Um evento evangelístico organizado pela Associação Billy Graham nas Filipinas terminou com a conversão de mais de 9 mil pessoas. O preletor foi o neto do famosos evangelista, Will Graham.

Chamado “Festival da Vida”, o evento atraiu mais de 60 mil pessoas entre os dias 27 a 29 de março, e terminou com 9.700 conversões ao Evangelho, segundo informações dos próprios organizadores.

A cidade de Cebu presenciou três dias de pregação da Palavra e apresentações de música cristã. O pastor local Trifon Brady, considera que o feito alcançado com o evento é bastante significativo, porque a região – que foi alcançada primeiro por católicos – é de “difícil evangelização”.

“As pessoas aqui são religiosas, no sentido de estarem tentando seguirem uma religião, mas não têm um relacionamento com Cristo”, pontuou Brady.

Nesse contexto, Will Graham deu ênfase ao fato de que a dedicação à religião não garante a vida eterna: “Você não pode comprar a salvação. Você não pode ganhar a salvação. Tudo o que você pode fazer é receber como um dom gratuito”.

O evangelista acrescentou que “para receber Cristo livremente, você deve ir à Ele”, e explicou o conceito do Evangelho, que se diferencia de todas as outras religiões: “A salvação não é um tipo de trabalho ou ritual. A salvação não é por ser membro de uma igreja. O nome da salvação é Jesus”, frisou.

Após a conclusão do evento, Will Graham chamou a atenção para o fato de que a exposição do Evangelho nunca é irrelevante: “Eu vejo a fidelidade de Deus quando a Palavra é pregada. A Palavra de Deus nunca volta vazia. E Ele chama as pessoas pelo nome. Fico sempre maravilhado, porque Deus é fiel na Sua Palavra pregada e permite que as pessoas respondam a ela”, disse Will Graham. “Eu vi Deus fazer coisas incríveis. Eu só peço que orem por aqueles que tomaram a decisão de seguir Jesus Cristo, eles serão monitorados na igreja local e vão crescer em seu novo relacionamento com Jesus Cristo”, acrescentou.