CURTA NOSSA PÁGINA !!!

Faça parte de nossas redes sociais e nosso canal no youtube.

Billy Graham fala sobre a graça redentora: “Não importa o seu passado. Deus quer perdoá-lo”

Billy Graham fala sobre a graça redentora: “Não importa o seu passado. Deus quer perdoá-lo”
O evangelista Billy Graham, 96 anos, publicou recentemente um artigo que fala sobre a graça e o perdão dos pecados, concedido por Deus independentemente do que tenha causado.

Graham ensinou que todos os que buscam a Deus por perdão, se arrependidos de seus atos, recebem o perdão. A base usada pelo evangelista foi o versículo Isaías 55:7: “Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar”.

“A única pessoa que Deus nunca pode perdoar é a que se recusa a buscar Seu perdão. Por que, então, alguém se recusaria a voltar-se para Deus e buscar Seu perdão? Por que alguém iria recusar o dom da vida eterna que Deus oferece a todos os que colocam a sua fé e confiança em Cristo?”, questionou.

Ciente das inúmeras circunstâncias e dificuldades que afastam o ser humano de Deus, Graham afirmou que muitas pessoas, quando sentem-se arrependidas, hesitam em buscar por perdão por entenderem que cometeram falhas muito graves, e que por isso, acham que são imperdoáveis.

No entanto, o evangelista destacou que também há outros motivos que levam a isso, como o desejo de não ter segredos expostos, falso arrependimento e até ódio a Deus, segundo informações do Christian Today.

Em um alerta, Graham disse que as pessoas não devem se esconder atrás de desculpas e ter sempre em mente que Deus decidiu oferecer o perdão e por isso, pagou um preço caríssimo com a morte de Seu filho, Jesus.

“Qualquer que seja a sua desculpa, não há nenhuma razão para que qualquer um se afaste de Deus e recuse a dádiva do perdão – um dom que Cristo adquiriu e isto custou sua vida […] Deus ama você, e não importa o que seu passado tem sido, Deus quer perdoá-lo e recebê-lo em casa”, concluiu.

Cristãos paquistaneses são libertos da acusação de blasfêmia

Cristãos paquistaneses são libertos da acusação de blasfêmia 
O site da Portas Abertas divulgou a soltura dos cristãos Arif Masih e Tariq Masih, que estavam presos no Paquistão acusados de blasfêmia. De acordo Associação para o Desenvolvimento Legal de Evangélicos (LEAD) os homens foram absolvidos das acusações de que eles teriam desrespeitado o Alcorão.

A decisão foi feita pelo Tribunal do juiz Iftikhar Husain Cheema, de Wazirabad, uma cidade do Paquistão. Ao que parece, os dois homens, que são irmãos, vendiam fogos de artifício para ter uma renda extra e um cliente muçulmano adquiriu fogos para o casamento em outubro de 2013 e os artefatos não funcionaram corretamente.

A queixa diz que os homens usaram páginas do Alcorão para fabricar os fogos, mas durante o processo as testemunhas foram ouvidas e os cristãos foram libertados.

“O nosso colega Nadeem Masih, um advogado cristão, trabalhou diligentemente e concordou com as queixas das vítimas, ouvindo as testemunhas e, com a ajuda da família, obteve declarações em favor dos dois homens. Suas declarações foram consideradas pelo tribunal e eles foram liberados”, relatou o LEAD.

O Paquistão tem uma das leis mais severas que atingem os não-muçulmanos que a lei da blasfêmia que pode condenar os acusados à morte.  A lei é usada para qualquer insulto religioso e muitas vezes é usada para incriminar desafetos, principalmente quando esses são cristãos.

Marco Feliciano será candidato a prefeito de São Paulo

Marco Feliciano será candidato a prefeito de São Paulo 
O Partido Social Cristão (PSC), presidido pelo Pastor Everaldo, vai lançar o nome do deputado Marco Feliciano na disputa das eleições municipais de São Paulo.

O partido resolveu ter um candidato próprio e já planeja buscar apoio. “Vamos buscar partidos para aumentar nosso tempo de TV”,disse Everaldo em entrevista à Folha.

Feliciano está em seu segundo mandato como deputado federal pelo Estado de São Paulo. Sua principal bandeira é a “defesa da família”, assunto que já o colocou diante de muitas polêmicas.

O deputado deve enfrentar na disputa pela Prefeitura da capital paulista nomes fortes como o de Marta Suplicy (PMDB), a senadora já foi prefeita de São Paulo outras vezes e possui um eleitorado forte.

O atual prefeito, Fernando Haddad (PT), também deve tentar a reeleição. Apesar de muitas críticas que recebe, o prefeito tem conquistado alguns paulistanos por conta de propostas como a inclusão da ciclovia em partes estratégicas da cidade e pela autorização do passe livre para estudantes.

Quem também deve tentar conquistar o voto dos paulistanos são Celso Russomanno (PRB), José Luiz Datena (PP), e o PSDB deve escolher um dos seguintes nomes: João Dória Jr., Andrea Matarazzo, Ricardo Trípoli e Bruno Covas.